segunda-feira, 13 de maio de 2013

2º ANIVERSÁRIO DO BLOG “NAVEGAÇÕES NAS FRONTEIRAS DO PENSAMENTO”

Para comemorar os dois anos de existência do blog faremos uma homenagem à Arte, no que ela tem de mais sublime, selecionando, apenas três, entre as inúmeras postagens do blog.
A 1ª a Arte, mais concretamente, a literatura em seu diálogo com a política; a 2ª a Arte no seu diálogo com o cinema e a 3ª a Arte no seu diálogo com a poesia.

A literatura em seu diálogo com a política
Nessa homenagem à política José Jorge Letria elabora um hino à dignidade, essa que por...não ter preço, não se rende nem desiste”. Essa que “Quando o tiro ecoou na praça de todas as revoltas, Dimitris Christoulas deixou voar uma pomba, uma borboleta, uma gaivota triste do Pireu e disse, com um aceno: “Eu continuo aqui, de pé firme, porque nada tem a força de um homem quando chega a hora de mostrar que tem razão”. Depois vieram nuvens, flores e lágrimas, súplicas, gritos e preces, e o mártir da Syntagma, tão terreno e finito como qualquer homem com fome, ergueu-se nos ares e abraçou a multidão com ternura”.
Leiam, ou se for o caso, releiam, o texto MORRER DE PÉ NA PRAÇA SYNTAGMA de José Jorge Letria, que além prestar uma bela homenagem à dignidade humana, é ainda um texto literáriamente irrepreensivel

A Arte no seu diálogo com o cinema

O escritor e roteirista Jean-Claude Carrière, num pequeno fragmento literário, fala-nos da obra sublime de um dos maiores gênios do cinema: Michelangelo Antonioni. Diz ele que “O Olhar de Michelangelo” é um dos filmes mais lindos do mundo! Antonioni realizou em 2000 esse filme, que não dura mais de 15 minutos, sem uma palavra, onde ele dirige ele mesmo, pela única vez em sua vida. Ele entra na igreja de São Pedro dos Leões, em Roma, sozinho. Aproxima-se lentamente do túmulo de Júlio II, e o filme inteiro é um diálogo, sem uma palavra pronunciada, um vaivém de olhares entre Antonioni e o Moisés de Michelangelo. Tudo o que dizemos aqui, esse frenesi de aparecer e falar que marca nossa época, essa agitação sem objeto, é questionado pelo próprio silêncio e o olhar do cineasta. Ele veio dizer adeus. Não voltará mais e sabe disso. Veio fazer uma última visita, ele que está de partida, á obra-prima incompreensível, que restará. Como para interrogá-la uma última vez. Como para tentar desvendar um mistério ao qual as palavras não têm acesso. O olhar que Antonioni lança para ela, antes de sair, é patético”.
Leiam a postagem "O Olhar de Michelangelo" - A derradeira obra-prima de Antonioni (2004)

A Arte no seu diálogo com a poesia

Trazemos o poema mais acessado do blog. É um poema do moçambicano José António Pastor Duarte Silva (1954-1993) que foi professor, ativista cultural, encenador de teatro, poeta e contista. Pode ler o poema aqui
http://navegacoesnasfronteirasdopensamento.blogspot.com.br/search/label/Jos%C3%A9%20Pastor%20Duarte%20Silva

5 comentários:

Anônimo 13 de maio de 2013 05:47  

2 Aninhos!!!! Lembrei de uma crônica do Affonso Romano de Sant'Anna - "Fazer 30 anos" - Chegamos lá.
Parabéns pelo blog Querido Miguel! Abraços,Letícia.

Anônimo 13 de maio de 2013 18:24  

"Tempo de entusiasmo e coragem em que toda a disposição de tentar algo de novo e de novo quantas vezes for preciso" (Mario Quintana)

Parabéns, Prof. Miguel!

Rita

Anônimo 13 de maio de 2013 18:48  

Miguel
Parabéns pelo blog! Vida longa! Como lhe disse estou no seu rastro rsrsrs... Esse blog só tem um problema: ele é mais rápido do que eu dou conta de acompanhar.
Forte abraço da colega e admiradora, Áurea

Anônimo 15 de maio de 2013 05:59  

Parabéns pelo blog e sua luta pela educação e pela vida...

"Há homens que lutam um dia e são bons, há outros que lutam um ano e são melhores, há os que lutam muitos anos e são muito bons. Mas há os que lutam toda a vida e estes são imprescindíveis" Bertold Brecht. José Humberto

Bety Sequierra 20 de maio de 2013 06:47  

Parabens pelo Bog!

Bem necessitamos de elaborar novos pensamentos que ajudem o Homem na construção de um Mundo renovado e melhor.

Procurarei seguir mais vezes,Miguel.

Um Xi carinhoso, Alcina

  © Blogger template 'Solitude' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP